(51) 3012-0812 (51) 98980-3362 (51) 98980-3362

Fale Conosco: (51) 3012-0812

Fale Conosco: (51) 98980-3362

Portabilidade de financiamento imobiliário cresce 144% em 2021

A portabilidade pode reduzir juros de contratos de financiamento imobiliário.
22/07/2021

O aperto nas contas fez mais pessoas recorrerem à portabilidade do financiamento imobiliário, que é a transferência de dívida para outra instituição financeira em busca de juros menores. Houve alta de 144,1% em março, segundo os últimos dados disponíveis.

Em março do ano passado, foram 3.606 pedidos de portabilidade de crédito imobiliário somando Sistema Financeiro Habitacional (SFH), com juros limitados, e Sistema Financeiro Imobiliário (SFI). Já no mesmo mês de 2021, foram 8.803 pedidos.

Mesmo com a recente alta da taxa básica de juros para 4,25% ao ano e a perspectiva de novos aumentos na taxa, especialistas avaliam que o consumidor não deve descartar a opção de fazer a portabilidade. Isso porque os juros ainda estão muito distantes do patamar de dois dígitos já registrado no passado. 

Os especialistas ainda alertam que os consumidores devem considerar todos os custos envolvidos, além da própria capacidade de pagamento antes da decisão. A depender do valor final, a migração pode não ser vantajosa.

Segundo o professor de Finanças do Insper, Ricardo Rocha, a portabilidade vale sempre a pena se o consumidor consegue reduzir sua taxa, especialmente quando ainda falta muito tempo para o vencimento.  

Segundo especialistas, o mais aconselhável é buscar taxas melhores no mercado e apresentar as condições que os concorrentes estão oferecendo para a instituição de origem. E a G3 Negócios pode te ajudar a encontrar o melhor negócio do para você! 

 

Fonte: Extra Globo